Buscar
  • PEDRO REZENDE

Corona Vírus: estratégia de marketing é fundamental.

O mundo parou certo? Bom, tem pessoas que realmente pararam, aproveitando para ficar com suas famílias e estão até entediadas em ficar casa. Mas cada caso é um caso: tem pessoas que terão seus rendimentos mantidos, tem pessoas que, pelo contrário, sofrerão muito com a quarentena (a maioria do país).

Mas esse texto não tem a ver com esses dois casos - tem a ver com você, dono ou gestor de uma pequena ou média empresa que não tem opção: você não pode parar, você não vai parar. Não vai parar porque em todos esses anos você lutou muito para construir e chegar onde chegou. Foram noites em claro, dias de muito trabalho, tempo longe da família porque você iria conseguir - e, independente de quantos passos você deu até agora, cada um desses te fez chegar um pouco mais perto do seu sonho. Até porque, para ser empresário nesse país, temos que ser sonhadores inabaláveis mesmo.

Aposto que nesses últimos dias você já conseguiu que a sua equipe em home office tenha uma boa produtividade. Alguns projetos que estavam com gargalo já seguem normalmente e a rotina começa a fazer algum sentido. Afinal, você é gestor, sabe que deve manter-se com rotina, sabe que não está de férias e não pode deixar o ritmo da equipe cair.

É capaz de sobrar algum tempo, enquanto todos ainda estão se adaptando, e no que você irá pensar? Bom, sugestão: pense no seu negócio. Pense em como você vai continuar vendendo, esqueça vitimismos pois estamos em uma pandemia. Observe que tem setores que manterão seus resultados, outros sofrerão um impacto terrível, e tem negócios que irão crescer. Em qual grupo o seu negócio se encaixa e em qual você quer se encaixar? A venda não será mais como antes: primeiro que nem reunião presencial você poderá fazer rsrsrsrs então aquele seu "talento" fica bem mais contido em um conference. Nem o seu atendimento será como antes: tem psicólogo atendendo de casa, personal trainers criando as séries...

O grande lance é pensar como você fará isso, como você continuará vendendo. Será que um restaurante deve fazer esforços de vendas todos os dias, ou criar cardápios semanais? Ou como uma indústria de tintas pode aproveitar para vender para o consumidor final nessa hora? E o seu mercado que de uma hora pra outra se tornou virtual, como será essa logística? Cada negócio terá uma resposta.

O importante é nunca parar. Não pare, se transforme, não fique somente vendo as notícias, você não é somente espectador, você é agente da nossa economia. Vai em frente, seus colaboradores, parceiros e fornecedores dependem de você. Isso vai passar e você sairá mais forte dessa.

Mas para isso, ah você terá que pensar em marketing também. Se a sua empresa deixava isso para "compras" agora traga essa responsabilidade para você. Contrate uma empresa responsável, divida suas ideias, ouça com atenção às deles também. Tornem-se parceiros e criem soluções e serviços para um mundo novo. Melhore, aproveite para se estruturar de verdade, não desperdice esforços à toa, tenha uma estratégia consistente e uma boa implementação.

Acredite, é uma boa hora para isso.

Boa sorte!